quinta-feira, 15 de janeiro de 2015

NEGOCIAÇÕES CCT SEGURADORAS 2015

Securitários (as)


Nas reuniões dos dias 13 e 14 passados, reunimos com a Comissão Patronal para agilizarmos o processo de negociações da nossa CCT/2015 no Rio de Janeiro.

Para nossa maior surpresa, os representantes, ao invés de apresentarem uma proposta para ser analisada, queriam saber os “por quê’s?”  da nossa Pauta de Reivindicações. Tudo bem, pois faz parte de estratégias de negociação: tentar irritar, cansar, desestimular os negociadores. Isto não surtiu nenhum efeito.

Em seguida, afirmaram que só seria possível uma negociação salarial se fosse seguido o critério do escalonamento, dividindo os percentuais entre as faixas salariais. Este critério foi banido das negociações no ano passado e , mais uma vez, recusado pelos Sindicatos.


A partir daí, apresentaram números ínfimos para correção das cláusulas econômicas que também foram recusados. Até que, na tarde do dia 14, afirmaram que não teriam como continuar as negociações naquele momento, mesmo os Sindicatos estando a disposição para continuar na parte da noite, na quinta(15) e também no dia 16, sexta-feira.

Durante todo este período, os Sindicatos apresentaram propostas dentro do cenário econômico das Seguradoras. Qual é este cenário? Segundo as revistas especializadas,  o próprio mercado segurador e seus representantes a previsão é:

-          crescimento de 11% em 2014;
-          15% para 2015;
-          ampliação na participação no PIB, antes 1% e agora 6%
-          novos produtos e novas oportunidades

As fontes são o presidente da CNSEg, Sr.Marco Antonio Rossi e o Jornal Valor Econômico.

Com tudo isso, vamos cobrar das empresas seguradoras a valorização do principal propulsor que faz a roda do mercado segurador girar: os SECURITÁRIOS!!!!!

Todos os sindicatos estão juntos sob a coordenação da FENESPIC para este desafio. E parafraseando a luta dos franceses e de todo o mundo por um mundo melhor, afirmamos:

- JE SUIS SECURITÁRIO !!!!!!!!!!!!!!!!!


Vamos a luta e até a vitória com uma CCT/2015 QUE NOS VALORIZE.

Valdir S. Brusch
Presidente

Sindicato dos Securitários RS

Nenhum comentário:

Postar um comentário